Jejum Intermitente Emagrece Roberto Alencar

Entenda qual é a diferença entre dieta e jejum intermitente?

Essa é  a grande dúvida entre as pessoas que querem eliminar peso, estou falando sobre a diferença entre dieta e jejum intermitente, sim existe diferença entre elas, pois são completamente diferentes. Entenda qual é a diferença entre dieta e jejum intermitente?

Dieta – Conceito, o que é, Significado

O conceito dieta é usado em nossa linguagem popular para referir-se a uma pessoa que segue um regime alimentar restrito com a missão de eliminar peso corporal. Porém, embora este uso esteja de uma forma correta, seu sentido é justamente o contrário.

Dieta se refere à alimentação cotidiana de uma pessoa que lhe permite conseguir os nutrientes essenciais para viver. A palavra dieta também é usada para indicar o conjunto de comidas e bebidas que fazem parte do regime realizado por uma pessoa. Não podemos esquecer que existem tipos de dieta para ganhar ou perder peso.

Todos os anos centenas de novas dietas são anunciadas prometendo a fórmula mágica para emagrecer e, no entanto, o que vemos é bem diferente. É nítido que dietas da moda não funcionam e muitos perdem tempo e dinheiro buscando solução onde não existe.

O que mais notamos entre praticantes das dietas ditas da moda é o famoso efeito “sanfona”. A melhor dieta é a mais antiga, ou seja, comer comida de verdade e eliminar “comidas industrializadas” que invadiram nossa sociedade.

 Descubra Como Emagrecer Comendo de Forma Natural Com A Dieta Low-Carb

Entenda qual é a diferença entre dieta e jejum intermitente?

 

Jejum Intermitente – Conceito, o que é, Significado

“Jejum” é a abstinência de alimentos seja por espírito de mortificação (religioso), seja como prática para reeducação alimentar saudável. A palavra “Intermitente” significa sem continuidade, que é interrompido e se reinicia por períodos de tempos. Fica bem claro que não tem nada a ver com dietas da moda e que é praticada desde o homem paleolítico.

Sendo assim o “jejum intermitente” é uma forma de jejum “planejado”. Pois o próprio nome afirma que ele não é permanente e não dura muito tempo. O jejum intermitente ocorre em períodos de tempos pré-estabelecidos, apresentando períodos de jejum intercalados com períodos onde há ingestão de alimentos.

Durante o jejum após o corpo ficar algum tempo sem se alimentar ela passa a utilizar mais fontes energéticas próprias do que as que são ingeridas na dieta. O organismo passa a fazer uso da gordura conservada no tecido adiposo ao invés da gordura consumida na alimentação.

O corpo começa a utilizar como fonte de energia a glicose que se produziu no fígado, e a usar de maneira mais excessiva o glicogênio muscular e hepático, em detrimento dos hidratos de carbono originários da alimentação.

Durante o período em jejum acontece o aproveitamento de aminoácidos (os aminoácidos são os constituintes fundamentais das proteínas) para a fabricação de energia.

Lembrando que o aproveitamento dessas fontes próprias, em específico a gordura e a glicose/glicogênio, acontece pelo fato da dieta, no instante do jejum não providenciar nutrientes para gerar energia.

 

Saiba como inicie o jejum intermitente e eliminei 16 centímetros de barriga

 

Esqueça todas as dietas da moda e conheça o jejum intermitente

Como disse o jejum é algo praticado pelos homens desde os primórdios e ficar por períodos de tempos sem comer é visto com bons olhos por especialistas e nutricionistas que sugerem aos seus pacientes períodos de jejum intermitente, seja para realizar um detox, para eliminar peso e até mesmo para melhorar a qualidade de vida.

Rodrigo Polesso é especialista em nutrição otimizada e segundo ele o jejum não é uma dieta, já que a prática não envolve alimentos. A primeira mudança visível após aderir o jejum é a perda de peso: “Só o fato de a pessoa não ingerir nada já é o suficiente para emagrecer”, afirma.

Outro fator que agrega para a queima de gordura e consequentemente a perda de peso é que o jejum regulariza os níveis de insulina no sangue, hormônio que armazena gordura. Praticar jejum intermitente faz a insulina baixar e assim abre o acesso para outros hormônios, como glucagon, cortisol e adrenalina queimarem a gordura.

Uma das vantagens de praticar o jejum é que a queima de gordura ocorre sem a perda da massa muscular, também conhecida como massa magra.

Polesso afirma que a massa não é subtraída porque o jejum eleva o hormônio do crescimento e isso previne qualquer queima de músculo e que o músculo é um tecido metabolicamente ativo, ou seja, ele consome energia e caloria somente por existir. Não é saudável eliminar peso e ao mesmo tempo massa muscular.

O metabolismo basal também não desacelera praticando o jejum intermitente como muitos pensam. Ele gasta apenas a quantidade de calorias no dia que uma pessoa precisa para manter o peso. Muitas pessoas acreditam que o jejum intermitente vai desacelerar o metabolismo, ou seja, pensam que irão queimar menos calorias. Um estudo mostrou que ele continua acelerado até em jejuns bastante longos.

 

Qual o Tempo ideal para ficar em Jejum?

Para obter benefícios do jejum e começar a perceber os efeitos, Polesso afirma que é preciso ficar mais de 12 horas sem comer.

O protocolo mais conhecido e mais indicado é o 16/8, no qual a pessoa permanece 16 horas em jejum e faz todas as refeições no período de 8 horas, porém, existem pessoas que fazem o jejum de até 24 horas sem se alimentar. Quem tem o hábito de jantar às 20h, por exemplo, pode pular o café da manhã no dia seguinte e almoçar às 12h.  No protocolo 16/8 a pessoa permanece 16 horas sem comer, incluindo o período em que estiver dormindo.”

Conheça aqui os 5 Protocolos mais conhecidos e praticados do Jejum Intermitente

 

Cara leitor e leitora eu pratico o jejum intermitente todos os dias, porém, quero ressaltar que não é necessário jejuar todos os dias. Você deve incluir essa pratica em sua rotina da maneira que achar melhor e mais conveniente.  Você pode ficar em jejum um, dois, três ou todos os dias na semana, isso depende muito de seu estilo de vida e de seus objetivos. Cada um deve se adequar a sua melhor forma de fazer.

Entenda qual é a diferença entre dieta e jejum intermitente?

 Descubra Como Emagrecer Comendo de Forma Natural Com A Dieta Low-Carb

Jejum Intermitente e Alimentação Saudável

Se você quer eliminar peso com o jejum intermitente, é necessário fazer uma alimentação saudável na janela de alimentação. Se você enfiar o pé na jaca e comer Junk Food, não adianta ficar horas sem comer. Junk Food é uma comida carregada de calorias, gorduras, açúcar e sódio e pouco nutritiva conhecida também como “comida lixo” ou “porcaria”, da qual muita gente fala mal, porém poucos conseguem resistir aos seus vários tipos.

Se você deseja iniciar o jejum intermitente é necessário excluir da dieta alimentos processados, refinados, açúcares e as gorduras ruins, como óleos vegetais de milho, canola e soja, encontrados na margarina, por exemplo.

Sugiro também corrigir sua alimentação antes de iniciar o jejum intermitente, pois se você se alimenta de forma incorreta há muito tempo pode acontecer que ao iniciar o jejum poderá se sentir pra baixo, com fome, com mal humor, dores de cabeça e acabar condenando o método. Mas a culpa, nesses casos, é da alimentação inadequada durante muito tempo que teve. Antes do jejum ou ao mesmo tempo, é necessário adotar hábitos saudáveis.”

 

Autofagia e Jejum Intermitente

O grande motivo que me motivou iniciar o jejum foi a autofagia (a reciclagem das células mortas) tema que garantiu o prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia ao cientista Yoshinori Ohsumi em 2016. Ele estudou o processo de reciclagem das células quando a pessoa está em jejum.  A autofagia é uma espécie de “limpeza” para se certificar de que o corpo está funcionando bem.

Yoshinori Ohsumi conseguiu descobrir que os problemas nesse mecanismo estão diretamente ligados ao surgimento de doenças como o mal de Parkinson e a diabetes tipo 2. Após essas recentes descobertas fica muito claro que o jejum intermitente beneficia muito nossa saúde, prevenindo doenças que chegam com o envelhecimento e promovendo a longevidade.

O jejum melhora a secreção do hormônio do crescimento e amplifica os ritmos complexos da secreção do hormônio do crescimento no homem.

Descubra Como Emagrecer Comendo de Forma Natural Com A Dieta Low-Carb 

Beba Muito Líquido

É necessário manter-se muito bem hidratado (a) durante o jejum. Alguns líquidos como água com e sem gás, água com limão, chá e café sem adoçante ou açúcar são permitidos. Eu tenho o hábito de toda manhã beber água com limão. Jejuar fica mais fácil com a ingestão de líquidos.”

Gorduras puras como manteiga e óleo de coco podem ser adicionadas ao café, pela manhã, para ajudar na sensação de saciedade durante o jejum. Porém, se o objetivo é eliminar peso não pode exagerar. Não se deve não deve tomar óleo de coco e manteiga em excesso porque o corpo irá queimar essa gordura antes de queimar a do próprio corpo. Tudo tem que ser com equilíbrio. Sem sobra de dúvidas o ideal continua sendo beber o líquido puro.

 

Compartilhe este conteúdo com seus amigos em suas redes sociais e até o próximo artigo.

 

 

 

 

 

 

 

Entenda qual é a diferença entre dieta e jejum intermitente?
5 (100%) 1 vote

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.