Jejum Intermitente Emagrece Roberto Alencar

Como emagrecer com Jejum Intermitente?

Muitas pessoas têm dúvidas e fazem a seguinte pergunta: Como emagrecer com Jejum Intermitente? Jejum Intermitente emagrece? A resposta é “Sim”, o Jejum Intermitente também pode ser praticado como estratégia alimentar para emagrecer e se comparado à restrição alimentar é muito mais eficiente.

Como emagrecer com Jejum Intermitente?

Na verdade, a “estratégia” de ficar contando calorias é um dos 5 mitos que te impedem de emagrecer com saúde, pois o mais importante no emagrecimento é a maneira como o alimento é metabolizado no seu corpo.

 

Contar calorias em uma dieta se torna impossível, pois no contexto atual a dieta comum é composta por 60% de carboidratos e muito pobre em gorduras – vide a pirâmide alimentar – fato este que prejudica muito o processo nutricional de uma pessoa, pois uma dieta com 60% de carboidratos não funciona.

 

Carboidratos se convertem em açúcar no corpo, que é o gatilho essencial para a geração de insulina (hormônio).

 

Se a todo momento você consome carboidratos isso estimulará a geração de insulina, além de obstruir a queima de gordura, sentirá muito mais fome e mais necessidade de comer (principalmente doces).

Evidências científicas como ensaios clínicos e randomizados como esseesse e esse aqui – alegam que uma alimentação low carb (baixo carboidrato) sempre obtém ótimos resultados para a diminuição de gordura corporal e melhoria dos marcadores de saúde quando confrontada a uma dieta low fat (baixa gordura) com limitação de calorias.

 

Isso acontece por quê? Porque a insulina se conserva baixa e o corpo reage a hormônios e não a calorias! 

Jejum Intermitente Estratégia Alimentar para Sair do Platô

 

Mas nem sempre as pessoas eliminam os quilos que desejam ao fazer uma alimentação low carb high fat (baixo carboidrato – alta gordura), principalmente quando o que se pretende alcançar é uma vigorosa definição muscular.

 

Logo, o jejum intermitente se apresenta como uma estratégia alimentar aplicada para sair do “platô” ou mesmo apressar o emagrecimento. O que é o efeito platô? É uma reação de adaptação do nosso organismo à dieta, fazendo com que a pessoa “estacione” o emagrecimento e atrase o processo de eliminar peso.

 

O jejum intermitente é um aliado importante na perda de peso quando associado a uma dieta Low Carb (baixo carboidrato), e na flexibilidade metabólica daqueles que anseiam eliminar peso ou possuem algum grau de resistência à insulina.

Brad Pilon explica no seu livro “Eat Stop Eat” (Coma, pare, coma), que o corpo tem dois estados metabólicos possíveis: alimentado (“fed”) ou “em jejum” (“fasted”).

 

Quando nos encontramos no estado alimentado, o corpo guarda gordura. E quando estamos em jejum, o corpo utiliza as reservas de gordura. Sendo assim o jejum intermitente ajuda no processo de queima de gordura, ou seja, passamos a usar a gordura como fonte principal de energia.

 

Nossos ancestrais conservavam um equilíbrio entre esses dois estados, mas nossa maneira atual de viver principalmente o homem ocidental passam pelo menos 2/3 do tempo no estado alimentado, ou seja, comendo a cada 3 horas, o que inviabiliza o uso das reservas de gordura. O jeito adotado por várias pessoas acaba sendo comer muito pouco e se matando na academia para queimar calorias. Não era assim que faziam nossos ancestrais.

 

E certamente você já conhece a consequência catastrófica desse processo: excesso de fome, mau-humor, preocupação que não tem fim com comida e também com calorias.

 

Conheça Os alimentos permitidos na dieta Low Carb

 

Resumindo, uma alimentação low carb high fat (baixo carboidrato –  alta gordura) por si só conserva os níveis de insulina baixos, mas nada reduz tanto a insulina quanto praticar jejum, e é especificamente por isso que o jejum intermitente faz a pessoa eliminar peso (ressaltando que isso não é obrigatório).

 

O Jejum Intermitente emagrece por diversas razões

 

    • Primeiro, quando jejua, você naturalmente acaba fazendo menos refeições. Assim, o Jejum Intermitente leva automaticamente a uma diminuição no consumo de alimentos.

    • O Jejum Intermitente baixa a insulina e amplia os níveis de hormônio do crescimento, o jejum intermitente faz seu corpo liberar mais noradrenalina, que é outro hormônio que auxilia na eliminação da gordura.

    • O Jejum Intermitente modifica os níveis hormonais do seu corpo de forma a tornar fácil a perda de peso.

    • Essas mudanças hormonais de jejuns de curto prazo até 36 horas podem aumentar seu metabolismo em 3,6-14%.

    • Assim você comendo menos (menos calorias consumidas) e a queimar mais (mais calorias saindo), o jejum intermitente faz eliminar peso. Ele com certeza é uma ferramenta poderosa para o emagrecimento definitivo.

    • Isso faz com que o Jejum Intermitente esteja bem na frente das outras formas de emagrecimento, comparando com outros estudos.

    • Durante o período de jejum intermitente você não come nada (ou muito pouco) e na janela de alimentação fica livre para comer.

    • Lembre-se, no entanto, que a principal razão para o jejum intermitente emagrecer é que ele ajuda as pessoas a consumir menos alimentos e principalmente fast food de modo geral. Se você comer de maneira errada e exagerada durante a janela de alimentação você não obterá nenhum resultado.

    • Há várias formas de se fazer Jejum Intermitente. Basicamente você precisa dividir o dia ou a semana em uma janela de tempo de alimentação e outra de jejum.

       

Nunca se esqueça que para seu sucesso no Jejum Intermitente você terá que fazer uma alimentação saudável e nisso a Dieta Low Carb é um grande aliado para você atingir seus objetivos…

Conheça Os alimentos permitidos na dieta Low Carb

O que achou deste artigo? Deixe um comentário e compartilhe com seus amigos.

 

Fontes:

 

 

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.